[layerslider id=”3″]

A Gênese é uma das cinco obras básicas da Codificação do Espiritismo. É um livro que, conhecido e estudado, proporciona uma oportunidade excepcional de imersão em grandes temas de interesse universal, abordados de forma lógica, racional e reveladora. Divide-se em três partes: na primeira parte, analisa a origem do planeta Terra, de forma coerente, fugindo às interpretações misteriosas e mágicas sobre a criação do mundo; na segunda, aborda a questão dos milagres, explicando a natureza dos fluidos e os fatos extraordinários contidos no Evangelho; na terceira enfoca as predições do Evangelho, os sinais dos tempos e a geração nova, que marcará um novo tempo no mundo com a prática da justiça, da paz e da fraternidade. Os assuntos apresentados nos dezoito capítulos desta obra têm como base a imutabilidade das grandiosas leis divinas.

Tradução de Carlos de Brito Imbassahy

Índice

 

Nota sobre a tradução

 

Capítulo I

 

Capítulo II – Deus

 

Capítulo III – O Bem e o Mal

 

Capítulo IV

 

Capítulo V

 

Capítulo VI – Uranografia Geral

 

Capítulo VII – Esboço Geológico da Terra

 

Capítulo VIII – Teorias da Terra

 

Capítulo IX – Revoluções do Globo

 

Capítulo X – Gênese Orgânica

 

Capítulo XI – Gênese Espiritual

 

Capítulo XII – Gênese Mosaica

 

Capítulo XIII – Caracteres dos Milagres

 

 

Capítulo XIV – Os Fluidos

 

Capítulo XV – Os Milagres do Evangelho

 

Capítulo XVI – Teoria da Presciência

Teoria da Presciência

 

Capítulo XVII – Predições do Evangelho

 

Capítulo XVIII – Os Tempos São Chegados